Um pouco sobre a cultura maori

“Kia Ora!” – é assim que muita gente vai te cumprimentar lá na Nova Zelândia. A palavra de origem maori quer dizer algo como “olá, seja bem-vindo” e é um reflexo de como esse país multicultural procura abraçar sua herança indígena.

Os maoris chegaram na Nova Zelândia há cerca de mil anos atrás. Assim como os demais povos polinésios, eles eram ótimos navegadores e eram guiados pelas estrelas e correntes marítimas para conduzirem seus barcos. Foi assim que encontraram a Aotearoa, que no idioma maori significa “terra da grande nuvem branca”, como eles chamavam a Nova Zelândia.

A cultura maori é muito rica e variada. Em uma visita à cidade de Rotorua – onde inúmeras vilas ainda estão intactas – você vai conhecer muito sobre a cultura e arte maori:  esculturas, tecelagem, kapa haka (dança de grupo) e moko (a tradicional tatuagem no estilo tribal). Na verdade, em todo o país é possível encontrar traços da cultura maori, mas é em Rotorua que é possível acompanhar apresentações e tours sobre suas tradições, além dos deliciosos pratos típicos, como o hangi, um prato cozido no calor termal dos vulcões. Hoje em dia, as manifestações maori também incluem cinema, televisão, estações de rádio, hip-hop, teatro e muito mais.

🗺️Leia todos os posts sobre a Nova Zelândia aqui!

O idioma maori

Hoje o maori é um dos idiomas oficiais da Nova Zelândia, assim como o inglês, mas nem sempre foi assim. O maori foi proibido nas escolas desde o início do século 20, e até hoje é possível encontrar idosos que se lembram de terem sido punidos por se comunicarem na sua própria língua nativa. Assim, muitos maoris se tornaram alienados do próprio idioma e da própria cultura, e só uma minoria era capaz de se comunicar com fluência em maori.

O idioma só foi oficializado em 1984, quando o governo começou a mudar suas políticas públicas para resgatar a cultura maori. Os jardins de infância voltaram a ensinar a língua e muitos eventos formais (como no parlamento) também passaram a exigir o idioma.

Há muitos esforços para tornar o idioma maori ainda mais comum no cotidiano na população neozelandesa – por exemplo, tornando bilíngues todas as placas, sinalizações e estabelecimentos das cidades. Nos últimos anos, os filmes também passaram a ser dublados em maori, aumentando o sentimento de identificação e pertencimento por parte desses povos.

Hoje, eles compõem cerca de 15% da população do país. Ao longo das décadas, com as políticas públicas de conscientização e respeito pela cultura maori, eles estão cada vez mais presentes na vida neozelandesa, mantendo seus costumes e tradições até hoje. Se você pretende viajar ou fazer intercâmbio na Nova Zelândia, a cultura maori certamente vai acrescentar uma experiência única e inesquecível à sua viagem!

🗺️Leia todos os posts sobre a Nova Zelândia aqui!

Comentários